Loreto de Castro

Nom necessito o teu amor

 

Nom necessito o teu amor

se o teu amor me provoca dor,

se sinto funda tristura

pensando en ti.

Nom necessito o teu amor

se o teu amor é frio

e impassível.

Nom necessito o teu amor

se o teu amor non partilha,

se o teu amor non quer ficar

a carom de min.

 

 

Nom necessito o seu amor

se é un amor que me berra

e que me olha con rancor.

Nom necessito um amor

que me censura

e me julga,

nom necessito um amor

que me utiliza

e me desbota.

Nom necessito o seu amor

se o seu amor é isolador.

 

Nem preciso daquel amor

se é um amor

que nom me deixa ser

se me di o que debo pensar

ou sentir.

Nom necessito um amor

que é mais carne

que alma

e no que tudo está já projetado.

Nom necessito o seu amor

se é un amor que non me permite fluir.

 

Nom preciso destes amores

que nom me apertan

nem me arrolam.

Nom necessito que utilizem

o meu corpo e esqueçam

a minha alma.

Nom necessito a lascívia

na minha pele

e a saudade no meu coraçom.

 

 

 

Onde está o verdadeiro amor?

Onde está o amor tam arelado?

Onde está a cobiça do espírito

e da razóm?

Quiçás necessite outro corpo,

outra alma.

Quiçás necessite outra vida.

 

Páxina 21